Cornucópia de Alcobaça é uma das imagens de marca do concelho

O doce de Alcobaça está na corrida às 7 Maravilhas Doces de Portugal!

Foto: João Ribeiro

Embora seja incerta a sua origem, tudo indica que as Cornucópias pertencem ao receituário do Mosteiro de Coz, fundado no século XII, dependente do Mosteiro de Alcobaça.

A sua forma inspira-se na de um vaso com feitio de corno, que na Antiguidade simbolizava a fertilidade e a abundância, pois do seu interior jorravam frutos e flores. As de Alcobaça são recheadas de ovos-moles, confecionados com gemas e açúcar, quase os únicos ingredientes que entram no receituário da doçaria conventual portuguesa, depois da utilização das claras com objetivos mais prosaicos(Jornal dos Sabores)

O Pão de Ló de Alfeizerão e a Cornucópia de Alcobaça integram a distinta lista dos 7 finalistas distritais do concurso 7 Maravilhas Doces de Portugal, uma iniciativa que irá eleger, até à grande final em setembro, quais os sete doces preferidos de todos os portugueses.

Desde o dia 27 de junho e até ao próximo dia 3 de julho, estão abertas as votações via telefone para apoiar as duas candidaturas. No dia 3 de julho, será transmitida na RTP um programa de apresentação das candidaturas onde o Pão de Ló de Alfeizerão e a Cornucópia de Alcobaça serão representados pelos respetivos padrinhos, Cipriano Simão e Rui Lopes.



 

 

insira o seu e-mail e recebe as melhores experiências

[newsletter]